21 de junho de 2010

Vá para fora cá dentro


Ontem foi um dia estranho de festival. Com os filmes todos exibidos e os prémios todos decididos, restou aos convidados do Porto7 fazerem o percurso turístico pela cidade. O Antestreia juntou-se à festa fora de portas numa experiência única a ver o Porto pelos olhos do turista.

Durante quatro horas fazer o percurso considerado como fundamental pelos barcos e autocarros. Visitar as caves, ouvir a história de cada igreja, forte, ponte ou casa como se não a soubesse de cor...

A última vez que vi o Porto que se vê nos postais foi há dois anos e meio, então como guia turístico. Visitá-lo agora como visitante, livre de responsabilidades e preocupações é uma sensação que nunca tinha sentido. O Porto7 está de parabéns por ter a coragem de reservar um dia para o não-cinema. Pelo menos para mim foi uma experiência tão enriquecedora como as sessões, para os de fora espero que tenha sido melhor.

Não admira que nasçam festivais e ciclos no Porto todas as décadas. É uma cidade que conquista quem por aqui passa.

Sem comentários: