14 de outubro de 2010

Um actor em todas

Com o anúncio da lista completa da Academia dos filme nomeáveis para Melhor Filme de Língua Não-Inglesa, podemos procurar curiosidades nessa lista.
Comecemos por o único que vi até agora (pelo menos que reconheça o título) ter sido o improvável candidato do Quirguistão. Ninguém adivinharia este!

Terminaria por dizer que nos três finalistas espanhóis havia um elemento em comum. Luis Tosar era o actor principal em "Celda 211", "Lope" e no escolhido "También La Lluvia". Além disso continua a ser uma aposta forte nas produções galegas, ou não estivesse em projectos variados da produtora Tic Tac como "Flores Tristes" e "18 Comidas", ou na mega-produção de animação "O Apóstolo".


Sendo que os filmes "18 Comidas" e "Celda 211" vão ser referidos brevemente no blog, deixava apenas um comentário para o principal factor que levou "También La Lluvia" a ser preferido ao vencedor de 8 Goyas "Celda 211". O filme nomeado por Espanha conta uma história de Cristovão Colombo, logo será mais apreciado pelos americanos. Quando um Oscar significa mais mercados, mais espectadores e mais dinheiro, não é apenas uma questão de arte, é saber escolher o produto certo para o cliente certo.

Sem comentários: