28 de fevereiro de 2010

Primeiro encontro luso-galaico de blogs de cinema


O Fantas está na rede e na vanguarda dos novos meios de comunicação. Depois de conquistar o Facebook com o seu clube de 11000 fãs, o festival não podia deixar de apoiar esse fenómeno de popularidade e de democratização do cinema que são os blogs. Espaço de liberdade e de criatividade sem precedentes, que faz de cada um de nós um crítico de cinema e serve de veículo de passagem da informação, os blogs têm um espaço próprio que não cessa se crescer e de aumentar a sua eficácia.

Porque o Fantasporto reconhece a importância crescente dos blogs, numa parceria com o Antestreia vai organizar nesta sua trigésima edição o primeiro encontro luso-galaico de blogs de cinema que irá decorrer no dia 6 de Março no terceiro piso pelas 17 horas. O objectivo é debater o fenómeno blogosfera, partilhar experiência e concertar estratégias para um desenvolvimento sustentado. Foram convidados mais de cem blogs e já se responderam mais de trinta a esta iniciativa inédita.

Se é blogger inscreva-se pelo Antestreia e apareça no Rivoli Teatro Municipal.


Links:
Festival
Clube de fãs Facebook
Encontro de bloggers

Posters de "Diary of a Wimpy Kid"



Fantasporto 2010 - Dia 6


Ontem um leitor queixou-se pessoalmente que eu punha demasiadas imagens e trailers e por isso não liam os textos que os acompanhavam. Como experiência, os próximos posts Fantas não vão ter trailers até que haja pedidos em contrário.

É complicado pensar que vamos respirar cinema a toda a hora e não ter filmes para ver de manhã. Mas as expectativas comcretizaram-se da parte de tarde. Foi uma maratona de filmes como há muito não fazia. O género a que assistimos foi terror, mas também comédia, e animação, e guerra. Tinha vampiros, polícias, soldados-fantasma, zombies, padres pecadores, monstros das profundezas, cantores racistas, mulheres adúlteras, nazis. Quase tudo o que podia ser colocado num filme foi usado num filme de ontem, e foi um sucesso.

A tarde começou com "The Descent 2". A sequela do filme que lançou Neil Marshall para a fama foi orientada pelo seu adjunto Jon Harris e co-escrita pelo Melhor Realizador em título do Fantas, James Watkins. A história retoma onde o filme anterior terminou. Fecha uma ponta solta, deixando uma nova. Não acrescenta nada ao anterior. É apenas para satisfazer a vontade dos fãs. Quem não viu o primeiro perceberá pela reacção do público que numa cena era conveniente saber o que se tinha passado antes. Mas como o explicam passados alguns minutos, dá para todos verem com prazer.

Em seguida a aposta da festival foi mais arriscada. Uma animação oriental sobre a Segunda Guerra, com crianças, espíritos e mortes. Pela descrição podia ser o clássico "Bedknobs and Broomsticks", mas não é. "First Squad" é um filme invulgar nascido do cruzamento de duas potências asiáticas do cinema. O tema é russo, mas a animação é de clara formação japonesa. Uma oportunidade para descobrir novas formas de fazer cinema, em que cada país contribui com um pouco, agradando a um leque mais abrangente.

Não há tempo a perder e o filme seguinte está a começar. Também esta obra desafia paradigmas sobre o cinema, cruzando o humor fácil americano, com a tradição musical indiana, sem ser nenhum deles. Esta produção indiana sobre um concurso de canto para a comunidade indiana em New Jersey, reflecte das mais variadas formas os podres da sociedade americana, mostrando os indianos contaminados pelos vícios ocidentais. Riso permanente num trabalho difícil que coordena uma dúzia de personagens em simultâneo.

Janta-se em menos de uma hora que logo outro filme se segue. Agora voltando ao terror tradicional, com humanos e zombies num edifício fechado. Os realizadores em palco apresentaram o filme como um misto de terror, comédia e tudo o mais que se quisesse. Demora um pouco a assumir-se como comédia, mas tem personagens magníficas para o efeito e as situações ficam bem mais suportáveis. A magnífica produção não poupou nem no sangue, nem nos explosivos, nem nos zombies.

Quem aguentou quatro filmes também aguenta cinco, mas o último prato pode ser um bocado indigesto. "É o meu sangue", tomai e sugai-o. "Thirst" é um filme de Park Chan-Wook, e é um filme de vampiros, como não estaria no Fantasporto? Não há como fazer histórias originais de vampiros, mas Park desencantou uma forma de tornar o tema diferente e ainda mais polémico, dando a imortalidade e o desejo (gula e luxúria)a um padre. Durante hora e meia desenrola muito bem, com um argumento interessante, bons efeitos, muita sensualidade e momentos de humor. Depois começa a morrer, tendo uma recuperação nos minutos finais. Este foi ainda precedido pela curta "La Carte" que surpreendeu.

Todos os filmes foram aplaudidos pela plateia tão cheia que tinha pessoas nos degraus. Hoje o programa não é tão ambicioso e variado, mas também tem alguns dos favoritos a prémios.

27 de fevereiro de 2010

Breves


Novo Joss Whedon


Os fãs de "Dollhouse" podem parar de chorar o final da série que Joss Whedon e Eliza Dushku têm outro projecto em mãos. Segundo declarações da actriz será um filme arrasador em que andam a trabalhar há anos. Um título do produtor que anda em planos há muito é "Goners" (ler Wikipédia), mas não foi confirmado.
Quando a mais projectos, Dushku afirma não saber de nada quanto ao "Ghostbusters 3" onde os rumores a colocam como certa.


O homem que estica não é de ferro


Taylor Lautner assinou contrato para adaptações cinematográficas de dois brinquedos: Max Steel (Mattel) e Stretch Armstrong (Hasbro). O contrato com a Paramount para fazer Max Steel, apesar de ser mais antigo um mês do que com a Universal para Stretch foi revogado pelo actor. Não se falou de valores, sem saber qual a diferença entre compensações monetárias, parece que prefere ser um homem de borracha a ser uma arma tecnológica de ponta. O filme "Stretch Armstrong" deve estar pronto dentro de um ano, o outro ainda não tinha data e perdeu o actor principal, por isso talvez tenha de esperar mais uns anos.

Não se morre em Pandora


Sigourney Weaver irá provavelmente regressar para "Avatar 2". Em declarações feitas durante a sua estadia em França - onde irá presenciar a entrega do César a Harrison Ford - afirmou ter falado com Cameron sobre a sequela. Como, se morreu? A Doutora Augustine faz parte da Árvore da Vida e através dela continua viva.

Galeria "Repo Men"


Saíram novos posters de "Repo Men". Que tal juntarmos as peças?


Fantasporto 2010 - Dia 5


Os monstros descem à cidade

Durante quatro dias fomos avisados. Não fizemos nada para o evitar e os monstros chegaram à cidade. Sejam as assustadoras criaturas da festa ou os grandes do cinema como Colin Arthur ou Samuel Hadida, a sessão de abertura foi um belo início para os 30 anos do festival.

No exterior zombies e fantasmas assombravam os espectadores. No hall de entrada um agressivo robot futebolista atacava as pernas mais próximas. No terceiro piso bebia-se sangue. Num espaço de horas um outrora vazio e triste Rivoli começou a fervilhar com o pessoal do auditório, do festival, convidados, jornalistas e curiosos. A Ministra da Cultura esteve presente para a cerimónia, algo que só acontece nos aniversários mais especiais. Falou-se de cinema, cultura e dinheiro. Quando bastava de conversa passou-se para o filme.

Hadida e Basset trouxeram "Solomon Kane" que por duas vezes encheu a sala com os seus espectaculares efeitos especiais.

Enquanto isso no auditório pequeno o low budget de zombies "Colin", seguido pelo sensual e sangrento "Sweet Karma", lucraram com quem não quis repetir o filme. Mais tarde o soft porn japonês teve a sua primeira sessão do ano com "Tandem".


A festa do cinema começou e promete ser longa, com noitadas passadas na conversa, muita diversão e, como não pode deixar de ser, filmes.

26 de fevereiro de 2010

Fantasporto 2010 - Dia 4


À semelhança da véspera, a manhã tinha um workshop de SFX que se prolongou pela tarde. Às 18 horas começou a outra iniciativa diferenciadora desta edição: as conferências sobre robótica. Faculdades de Portugal, Espanha e Austrália aliaram-se para trazer uma presença assídua da ficção-científica para a realidade portuense: os robots andam entre nós.
Como cinéfilo por paixão, cientista de computadores por formação, e representante da SciFiWorld, marquei presença na palestra. A apresentação do Dr. Peter Corke começou por mostrar os robots do cinema como R2D2 e C3PO , os automaton do século XVIII, os robots na literatura do século XX, e depressa passou para os do dia a dia. Desde protótipos laboratoriais até poderosos monstros escavadores que custaram 100 milhões de dólares, os robots são uma parte fundamental da sociedade.
Após os filmes e as fotografias, começou a discussão. Três professores especialistas na área reflectiram sobre o que o futuro nos reserva. Estamos cada vez mais perto do que nos prometia Asimov, mas ainda não fazem ideia de como o fazer. Um dos pontos focados é que no cinema a energia para os mover parece infinita. Quando carregam? O erro será dos argumentistas que não pensam em tudo, ou estarão os cientistas a exagerar no consumo e a falhar em automonia energética? Já tantos escritores pensaram sobre isso... algum estará certo?
Cientistas, filósofos, artistas, escritores e cineastas deviam debater o futuro em conjunto. Com diferentes pontos de vista a Humanidade ficará mais perto de possuir uma verdade mais absoluta.

Na sessão da noite o primeiro filme aproveitou a deixa para falar de energia sustentável. "Wonderful Days" é sobre uma cidade que se alimenta de poluição, e a constante necessidade obriga a manter o ar negro. Mas as atenções concentram-se numa sangrenta luta pela existência entre castas, e o céu azul não é mais do que uma memória, quase um mito do passado. Como filme não traz nada de novo, mas faz pensar num velho problema.



A segunda parte da maratona foi para "Fausto 5.0". O conto modernizado que acompanha um médico na sua espiral descendente para a loucura continua a agradar. É do equilíbrio entre seriedade e diversão que os dois protagonistas conseguem e lhes valeu ex-aequo o prémio de melhor actor há alguns anos.


Os lugares para bilhetes comprados estavam bastante cheios e o final de cada filme teve direito a aplausos. Este público está pronto e o festival pode começar. Hoje é "Solomon Kane", não há como escapar.

25 de fevereiro de 2010

Fantasporto 2010 - Dia 3


De manhã os efeitos especiais de nível máximo atraíram os cineastas de amanhã ao Fantasporto. Um dia recheado de magia dos bastidores fez esquecer os filmes por algumas horas.

De noite foi o problema do costume. Como a chuva continua são precisos bons argumentos para sair de casa. O primeiro argumento foi "Teknolust", uma obra que incluía Tilda Swinton nos quatro papéis principais e Karen Black como secundária. São actrizes conhecidas do festival: Swinton esteve em filmes seleccionados por quatro anos consecutivos; Karen Black não só trabalhou em cinco filmes seleccionados para o festival, como já nos visitou por duas vezes tendo inclusivamente ganho o troféu de melhor actriz. O filme é invulgar, mas o público reagiu bem. Será a genética capaz de combinar clonagem humana com software? Não estamos longe disso, mas por enquanto é ficção-científica.
A segunda aposta foi um dos grandes vencedores recentes do Fantas. Em 2004 "Janghwa, Hongryeon", também conhecido como "A Tale of Two Sisters", conquistou o prémio de melhor filme, realizador e actriz de fantástico, assim como um prémio especial no Orient Express. Tem poucos momentos de terror, mas os que tem deixam-nos com o cabelo em pé. Não é o filme que se prevê e percebe-se melhor vendo segunda vez.


Amanhã de tarde começam as conferências sobre robótica. O princípio da noite terá o ambiente como tema na animação "Wonderful Days". Na segunda parte da maratona o filme espanhol "Fausto 5.0" (Grande Prémio 2002) recupera a lenda do homem que não soube negociar a alma.

24 de fevereiro de 2010

Universo Matt Groening


Desconheço a fonte, mas não posso deixar de destacar o curioso mix.

Se alguém identificar a origem (alguma BD Futurama?) por favor indique para a acrescentar.

Super Blog


Começou a votação para melhor blog de Portugal. Não se esqueçam aqui do vosso Antestreia.


Porque este blog é feito por todos, peço que ajudem a decidir o que fazer com o dinheiro. O prémio deverá ser investido em, ou uma ajuda para:
  • Passar o blog para site com servidor dedicado, base de dados cinéfila, etc?
  • Ir ver muitos filmes?
  • Visitar um festival estrangeiro?
  • Tirar um mestrado em cinema?
    Algumas destas? Alguma ideia mais? Aceito sugestões.
  • Sondagem Fantas


    A pergunta não ficou muito explícita pelo que não foi bem percebida. Queria saber quantos anos tinham de Fantas, não quantos anos tem o festival. Duvido que um terço dos leitores tenha feito o pleno do festival, no entanto é o que a sondagem indica.

    Quanto aos planos para este ano metade das pessoas pretende acampar lá, alguns deles fazendo uma pausa para trabalhar.


    Outro dos festivais fantásticos do Porto


    Já é antiga a parceria entre o Fantasporto e o Black & White. O festival veterano anualmente faz uma sessão com uma selecção dos melhores trabalhos do festival jovem.
    Este ano no que parece uma retribuição, o tema do fantástico domina o cartaz.



    Frankenstein, King Kong, costuras que fazem lembrar Leatherface... Parece que temos Fantas de Fevereiro a Abril!

    Relembro que o festival da UCP tem lugar nos quatro dias que antecedem o 25 de Abril e o Antestreia vai estar lá.

    Fantasporto 2010 - Dia 2


    Mais um dia, mais uma batalha para ir ao Fantas. A forte chuvada e a trovoada assustaram todo o dia, mas se há algo capaz de me fazer sair de casa faça chuva ou faça sol, é o Fantas. A sala estava menos cheia do que na véspera. Parece que apanhar chuva para ver filmes com quinze anos não é apelativo.

    A tarde teve uma maratona robótica. Se não tiveram oportunidade de assistir, o segundo vídeo está disponível aqui.

    E à noite, eis que a robótica chega à sala grande. O programa continua a trazer-nos aquilo que de melhor se fez no fantástico ao longo destes trinta anos. A maratona de hoje tinha dois filmes que venceram nos principais festivais do fantástico como Porto, Sitges e Bruxelas.

    "Tetsuo II" é um clássico obrigatório por ter vencido um prémio no Fantas, por mostrar a proximidade entre humanos e máquinas e porque a saga ganhou um terceiro filme que está em antestreia no festival.


    Mas como nem só de máquinas assassinas se faz cinema fantástico, o filme seguinte apresentou-nos uma máquina da vida: "Cronos". A primeira longa-metragem de Guillermo Del Toro conquistou a Academia Mexicana (nove prémios), Cannes e os festivais do fantástico. A mistura de alquimia, insectos misteriosos e vampirismo foi infalível.
    Curiosamente na sala do lado depois do "Robocop Prime Directives II" também era um conto de vampiros a cativar os espectadores: "Frostbiten".


    Hoje o primeiro filme da noite é "Teknolust". Não é de horror, mas para equilibrar teremos logo de seguida o terror do novo milénio, o terror sul-coreano de "Janghwa, Hongryeon". Na sala pequena tem início a retrospectiva do cinema francês com "Le Dernier Combat" de Luc Besson.
    Também a não perder, às dez da manhã a primeira conferência de SFX da London Sessions.

    23 de fevereiro de 2010

    A mesma notícia, em castelhano


    Leram o meu texto da manhã? Gostaram? Acham que devia ser lido por muita gente mais? Que tal todos os fãs espanhóis de cinema fantástico?

    A revista SciFiWorld (que não me canso de elogiar como maior revista do fantástico) retribuiu a atenção publicando o meu texto no seu site: Fantasporto 2010: Dia 1. Passaram duas horas desde que o publiquei até que o pediram, mais uma hora para o traduzirem e estou a ser lido por uns largos milhares. Assim vale a pena!

    Se quiserem autógrafos ou tirar fotos comigo já sabem onde vou estar logo à noite.

    Dia 1
    Dia 2
    Dia 3
    Dia 4
    Dias 5 e 6
    Restantes dias

    Fantasporto 2010 - Dia 1


    Esta semana não está fácil. Correria do trabalho para o Rivoli - com uma sandes pelo meio a fazer de jantar - estacionar longe e em cima da hora, correr para lá, entrar sem ver a publicidade envolvente, falar com alguns conhecidos e lá estava eu na sala. Foi pontaria: luzes apagadas, publicidade terminada e o filme mesmo a começar.

    O dia 1, como os seguintes, tem apenas uma mini-maratona em cada sala. Dois filmes pelo preço de um e ter uma só sessão aumenta em muito o número de espectadores. Os filmes serem bons também ajudou.

    O primeiro foi "Reanimator". Não me lembro de aplausos numa sessão de pré-Fantas, mas logo no primeiro filme houve tentativas de começar e dois momentos que conseguiram sacar palmas a uma audiência esquecida.

    Algo correu mal com o conceito de maratona, porque as pessoas saíram no fim do filme. O resultado foi voltarem a correr quando já o segundo tinha começado.
    O segundo filme se tinha menos gente não se notou. "Braindead" é o título de eleição do Fantas e, a bem ou a mal, ninguém lhe fica indiferente. Honestamente foi a primeira vez em pelo menos dez anos que o vi em ecrã gigante e continua magnífico como sempre. Muito riso, muito sangue, muitas palmas, muitos zombies.


    Esta dupla ressurreição, por via médica e animal, não chegou para o festival. Amanhã serão usadas máquinas para o mesmo fim e não haverá tantos risos.

    Na sala pequena tivémos o vencedor do ano passado ("Idiots and Angels") e o início da série "Robocop".

    E assim começou o festival.

    22 de fevereiro de 2010

    E os BAFTA foram para...


    Sem grandes surpresas o confronto Bigelow/Cameron foi o grande destaque da noite passada.
    "The Hurt Locker" com 6 troféus incluindo melhor filme, realizadora e argumento deixou "Avatar" azul de inveja, com apenas 2 prémios técnicos.
    Quem se saiu muito bem também com dois prémios foi "The Young Victoria" e "Up".
    Se quiserem ver o melhor filme britânico basta irem ao Fantas, porque faz parte do calendário da Semana dos Realizadores.






    Melhor Filme


    "The Hurt Locker"

    Melhor Filme Britânico


    "Fish Tank"

    Melhor Realizador


    Kathryn Bigelow por "The Hurt Locker"

    Melhor Argumento Original


    "The Hurt Locker"

    Melhor Argumento Adaptado


    "Up in the Air"

    Filme em língua não-inglesa


    "Un Prophéte"

    Melhor Filme de Animação


    "Up"

    Melhor Actor


    Colin Firth em "A Single Man"

    Melhor Actriz


    Carey Mulligan em "An Education"

    Melhor Actor Secundário


    Christoph Waltz em "Inglorious Basterds"

    Melhor Actriz Secundária


    Mo'Nique em "Precious"

    Melhor Música


    "Up", Michael Giacchino

    Melhor Fotografia


    "The Hurt Locker", Barry Ackroyd

    Melhor Montagem


    "The Hurt Locker"

    Melhor Design de Produção


    "Avatar"

    Melhor Guarda-Roupa


    "The Young Victoria"

    Melhor Som


    "The Hurt Locker"

    Melhores Efeitos Visuais


    "Avatar"

    Melhor Maquilhagem


    "The Young Victoria"

    Prémio Revelação

    (argumentista, realizador ou produtor)
    Duncan Jones (realizador) por "Moon"

    Estrela em Ascensão

    (são votos do público, tudo é permitido...)
    Kristen Stewart

    Novos banners de "Kick-Ass"







    Este é especial, tem dupla imagem.


    Preparados, prontos, Fantas!


    Faltam exactamente 12 horas para a primeira maratona fantástica de 2010.
    Para a semana as sessões da tarde serão apoiadas pelo Antestreia que oferecerá bilhetes duplos aos leitores. Mantenham-se atentos e vão fazendo os vossos programas.

    21 de fevereiro de 2010

    Vencedores dos Goya


    Esta semana a Academia Espanhola premiou o que de melhor fizeram em 2009. Os grandes vencedores foram os previsíveis "Celda 211" e "Ágora" com 8 e 5 respectivamente.
    A lista completa aqui abaixo.



    Melhor Filme


    "Celda 211"

    Melhor Realizador


    Daniel Monzón por "Celda 211"

    Melhor Interpretação Masculina


    Luis Tosar em "Celda 211"

    Melhor Interpretação Feminina


    Lola Dueñas em "Yo, también"

    Melhor Actor Revelação


    Alberto Ammánn em "Celda 211"

    Melhor Actriz Revelação


    Soledad Villaamil em "El Secreto de su Ojos"

    Melhor Argumento Original


    Mateo Gil e Alejandro Amenábar por "Ágora"

    Melhor Argumento Adaptado


    Daniel Monzón e Jorge Garricaechevarría por "Celda 211"

    Melhor Música Original


    Alberto Iglesias em "Los abrazos rotos"

    Melhor Canção Original


    "Yo también" em "Yo, también"

    Melhor Produção


    José Luis Escolar por "Ágora"

    Melhor Fotografia


    Xavi Giménez por "Ágora"

    Melhor Montagem


    Mapa Pastor por "Celda 211"

    Melhor Direcção Artística


    Guy Hendrix Dyas em "Ágora"

    Melhor Som


    Sergio Burmann, Jaime Fernández e Carlos Farauolo em "Celda 211"

    Melhores Efeitos Especiais


    Cris Reynolds e Félix Bergés em "Ágora"

    Melhor Filme de Animação


    "Planet 51"

    Melhor Documentário


    "Garbo, el hombre que salvó el mundo"

    Melhor Filme Hispano-americano


    "El Secreto de Sus Ojos"

    Melhor filme europeu


    "Slumdog Millionaire"

    Melhor Curta-metragem de Ficção


    "Dime que yo" de Mateo Gil

    Melhor Curta-metragem de Animação


    "La dama y la muerte"

    Melhor Curta-metragem Documental


    "Flores de Ruanda" de David Muñoz López

    Goya de Honra


    Antonio Mercero

    Original ou cópia?

    Pequena provocação às distribuidoras.



    Está visto que não é uma questão de preço (1,5€ no hipermercado para a versão flat é imperdível). Mas, que tal repensar os menus de introdução?

    Tanto blog que há...


    Passei a manhã a convidar blogs para o Encontro.
    Foram 85 mails enviados/comentários escritos. Entretanto descobri que muitos dos blogs de que me lembrava estão inactivos, descobri novos blogs, o GMail chamou-me spammer...

    Deixo algumas sugestões para os meus colegas:
  • tenham mail de contacto. 42 dos bloggers não tinham forma de contacto. Fui obrigado a escrever 42 comentários preenchendo nome, mail, site, provando que sou humano...
  • registem-se no Blog.com.pt. Pode não ser perfeito, mas tem muitos blogs e facilita a pesquisa porque diz se são PT ou BR e quando foram actualizados.
  • Venham ao Primeiro Encontro de Bloggers no Fantas.

    Penso que está tudo dito. Vemo-nos no Fantas já amanhã.


    EDIT: obriguei-me a aumentar a lista até aos 100. Descobri que faltavam blogs que eu acompanho! Já convidei 103.
  • 20 de fevereiro de 2010

    Porquê casar?


    "Why Did I Get Married Too?" de Tyler Perry

    Quatro casais vão de férias juntos para as Bahamas. Só que uma das esposas é perseguida pelo ex-marido determinado em tê-la de volta. Apesar da sinopse e do trailer não é um thriller, mas sim uma comédia.
    Imdb

    19 de fevereiro de 2010

    Encontramo-nos no Fantas?


    Encontro de bloggers


    Ontem em conversa no Facebook tive a ideia de promover um encontro de blogs de cinema no Fantas. Afinal de contas, estamos quase todos lá.

    Após sondagem entre os interessados a data proposta à direcção do festival foi o dia de encerramento. Domingo estaremos na ressaca do Baile, antes de Sábado ainda se quer ver tudo o que compete. Por isso.. porque não usarmos a tarde de sábado para rever o que se passou nessas 2 semanas, para dar ideias para os próximos 30 anos e para uns dedos de conversa mais ou menos cinéfila?

    Como este ano não há tenda (agradeçam à Câmara a falta de apoio), não há um espaço sempre disponível para conversas. Vai ser preciso encaixar as pessoas no terceiro piso, num intervalo horário dependente das conferências. Segunda-feira é dada informação mais fiável, por enquanto o fundamental é saber quantos somos. Acima de dez não duvido, mas seremos vinte?

    Os leitores também se podem juntar para conhecer os rostos por trás dos blogs.

    Prémio da blogosfera


    Num experiência inédita sugeria ainda que entre todos votássemos o melhor filme do festival. Se o público e a crítica podem dar, nós não somos menos do que nenhum deles: Melhor filme blogosférico.
    Se o conseguirmos fazer diariamente (votos de 1 a 5 no fim de cada dia) podemos anunciar no Sábado, junto com os vencedores oficiais.

    Os interessados num ou noutro evento que se apresentem. Divulguem pelos vossos contactos da blogosfera para que daqui a uma semana estejamos em peso a assistir aos filmes e a fazer valer a nossa opinião.






    Confirmados:Não irão:

    7 Olhares
    Alternative Prison
    Ante-Cinema
    Antestreia
    Audiência Zero
    Bela Lugosi Is Dead
    C7nema.net
    Cine Highlife
    Cinema as my world
    Cinema Friki
    Cinema is My Life
    Cinematic Vision, A
    CZARADOX
    Laxante Cultural
    Maus da Fita
    Portal Cinema
    Sétimo Continente, O
    Split Screen
    Um Dia Fui Ao Cinema

    35mm
    axasteoquê?!
    Breath Away
    Cine 31
    Cinema
    Cinema JB
    Cinema Xunga
    Cine Observador
    Cinerama
    Duelo Ao Sol
    Filmes Portugueses
    Fora de Cena
    Golden Ticket
    Imagens Perdidas
    My One Thousand Movies
    O Homem que Sabia Demasiado
    Royale With Cheese
    Voices of a Distant Star

    Posters e banners


    Novo poster de "The Killer Inside Me" e "The Secret of Kells" e um banner de "Chloe".



    18 de fevereiro de 2010

    Um dragão e um pontapé



    17 de fevereiro de 2010

    Instruções para o treino de dragões


    Caso algum dia precisem de treinar um dragão, o filme "How to Train Your Dragon" fornece um prático maunal.



    16 de fevereiro de 2010

    Sondagem de Carnaval


    Parece que o cinema não é fonte de inspiração para os trajes carnavalescos. Apenas um dos votantes admitiu vestir-se com personagens cinéfilas. Considerando que a grande maioria não se disfarça, é um número relevante.

    Se esse leitor se acusasse, seria interessante saber qual foi a fatiota.

    Esta semana a pergunta é obrigatoriamente: Ir ao Fantas, sim não ao talvez?

    15 de fevereiro de 2010

    Flash Wars


    Nada é mais surpreendente do que uma flashmob. O conceito resume-se a convocar de forma rápida (SMS, redes sociais) o maior número de pessoas para fazer algo em determinado sítio e determinada hora, começando e terminando de forma cronometrada, desaparecendo na multidão de seguida.
    A mais famosa é a luta das almofadas, que ocorre em Portugal há algum tempo, mas existem outras como festas no metro, pessoas imóveis em locais públicos, protestos políticos...

    O cinema fantástico já causou algumas como as Zombie Walk, mas nada tão surpreendnete como isto.


    Afinal quantas pessoas têm um daqueles em casa?

    "The Crazies"



    O filme de encerramento do Fantas tem acelerado o lançamento de material promocional agora que o fim do mês e a estreia mundial se aproxima.



    Os trailer abaixo são parecidos, foram ambos passados na televisão britânica.




    14 de fevereiro de 2010

    13 de fevereiro de 2010

    Fantasporto 2010 - além dos filmes


    Um festival é uma festa. Os trinta anos são uma ainda festa maior. Convém não esquecer a festa dentro do festival, o Baile dos Vampiros. O cartaz e alinhamento já podem ser consultados.


    12 de fevereiro de 2010

    Galeria "Cop Out"


    A um mês da estreia chega-nos um lote de fotografias do mais recente filme realizado por Kevin Smith. O elenco contém Bruce Willis, Tracy Morgan, Michelle Trachtenberg, Seann William Scott, Jason Lee e Rashida Jones.

    Novos posters


    Novas versões dos posters de "Defendor", "Grown Ups", "How to Train Your Dragon" e "Last Song".