10 de março de 2011

Os distribuidores devem estar loucos

Na semana passada estrearam oito filmes. Hoje chegam às salas mais nove.
Não percebo este talento para distribuir os filmes pelas semanas (na primeira semana do ano só houve três filmes à escolha, o normal é haver quatro ou cinco). Até porque filmes com a mesma temática em semanas seguidas é o que se chama canibalismo, não há público para ver um filme de Godard numa semana e um documentário sobre ele na outra (já vi o documental e é imperdível). O mesmo se pode dizer de quem despeja sete filmes Fantasporto seguidos. Não é que dois filmes de terror e três de género fantástico sejam demasiados, mas quem os viu lá, não repetirá tão cedo e quem não os viu fica indeciso entre qual ver. Se lançassem um por semana haveria melhor aproveitamento da marca e maior rentabilidade.

Finalmente agradeço que alguns só tenham estreado em Lisboa ou teriam tirado número equivalente de filmes das salas antes que eu os visse. E menos ironicamente agradeço que metade dos "novos" filmes tenham passado neste Fantas ou em algum outro festival porque olhando para a lista nove deles já vi e assim recupero mais depressa o atraso.

4 comentários:

Por que você faz poema? disse...

Os Distribuidores estão loucos, e isso nao é titulo de comédia da Sessão da Tarde.

Sam disse...

Desde quando os distribuidores têm talento? :)

Jessie disse...

Isto é um dos muitos exemplos daquilo que está mal com a distribuição cinematográfica em Portugal. Enfim...

ArmPauloFer disse...

tal como esta semana... há semanas que é uma autentica avalanche de estreias.

O mais grave é haver títulos despachados assim pelo meio já com alguns anos de atraso. Isso é que é uma outra vergonha.
(Ex desta semana: "Chelsea on the Rocks - Chelsea Hotel"... é de 2008! Uau!).

Eu acho que na maior parte das vezes tudo isto é uma forma de as próprias distribuidoras nos darem um lembrete para os procurarmos mas é na net...