3 de agosto de 2011

Curtas portuguesas pelo mundo fora



Notícias frescas chegam de Avanca:
As curtas-metragens produzidas pelo Cine-Clube de Avanca / Filmógrafo, “Um Gato sem Nome” e “1111”, acabam de ser seleccionadas para a competição oficial de festivais de cinema nos EUA e na Alemanha.
“Um Gato sem Nome” é uma curta-metragem de animação realizada por Carlos Cruz e destinada ao público infantil. Baseado no conto de igual nome da escritora Natércia Rocha, já desaparecida, este filme estreado no Festival AVANCA, está em exibição nos EUA, integrando a selecção oficial do “20th The Woods Hole Film Festival”. Este festival, dedicado ao cinema independente, que decorre no estado do Massachusetts até 6 de Agosto próximo, foi recentemente considerado pela revista “Movie Maker Magazine” como um dos 25 festivais mais interessantes do mundo.
O filme “Um Gato sem Nome” tem assim a sua terceira participação num festival de cinema dos EUA, tendo entretanto sido exibido em festivais de Portugal, Brasil, Espanha, França, Irão, Itália, Roménia e Ucrânia. Premiado em Cuba (Cubanima 2010 – Festival Int.l de animación para los ninez y la adolescencia”), este filme foi ainda um dos 5 finalistas do Prémio SHANGAI TV FESTIVAL (China).

Na Alemanha, o filme “1111” de M. F. Costa e Silva integra a competição do “19. FilmFestival CONTRAVISION 2011” que irá decorrer em Berlim entre 9 e 18 de Setembro próximo. Com argumento de Luís Diogo, fotografia de Francisco Vidinha e música de Fernando Augusto Rocha, esta curta-metragem de ficção é protagonizada pelo actor Paulo Freixinho e por Diana Morais, Eder Neves, José Eduardo, Leonor Valente e Luís Araújo.
Este filme, rodado em 35mm, foi Prémio Estreia Mundial no AVANCA '09 e foi exibido em festivais de cinema em Portugal, Espanha, França e Bulgária.

Ambos os filmes tiveram apoios do ICA – Instituto do Cinema e do Audiovisual e “Um Gato Sem Nome” teve a participação da RTP.


A este comunicado junta-se ainda a notícia exclusiva para o Antestreia (excluindo pessoas envolvidas no festival ou na produtora estão a ser os primeiros a saber) de "O Conto do Vento" ter sido seleccionado para Sitges. Esta curta fantástica de animação além de ter ganho em Avanca 2010 já fez parte da selecção do Fantasporto, Porto7, Annecy e daqui a um mês estará no MotelX. Se não estou em erro (e nisto não costumo falhar) a última vez que um filme português lá esteve foi "Coisa Ruim" há cinco anos.

Já pela Lightbox soubemos também esta semana que "Consequências" vai ao Festival du Film de Beauvais, conseguindo assim a sua vigésima oitava selecção para festivais. Em Portugal percorreu os principais eventos (Fantasporto, MotelX, Bragacine, Faial, Shortcutz, Caminhos e muitos outros) e esteve em diversos países.

Sem comentários: