13 de maio de 2013

Nova queda nas receitas

A quebra nas bilheteiras nacionais foi de 20% no primeiro terço do ano. Só Abril teve um corte de 50%.
Olhando para as críticas no blog reparo que também fui responsável por essa diminuição, com uma mudança de atenção para o DVD e séries em substituição da clássica sala. Digo sempre que isso vai mudar em breve, mas nem os filmes puxam, nem o preço convida. Um filme por semana (por vezes sessão dupla) tem sido o máximo.

Ainda estou à espera que inventem um passe anual, que dê acesso a todos os filmes por um preço razoável. Se fosse 10€ ou 20€ mensais ficava pago no primeiro mês! Acima disso, ninguém compraria.

Sem comentários: