22 de novembro de 2011

Heróis da DC Comics


Os super-heróis são quase um mercado à parte no mundo do cinema. A Marvel com a chegada dos Vingadores, de sequelas para muitos dos filmes existentes, de reboots para outros, e novas adaptações para o que falta, está a saturar o mercado a um ponto que não se acharia possível chegar. No entanto o filme mais aguardado pelos cinéfilos e com mais hipóteses de bater recordes é o terceiro Batman da DC Comics/Warner seguido pelo (novo) reboot Superman das mesmas companhias. E se o mercado cinematográfico parece fechado para mais heróis, o mercado vídeo, especialmente o infantil, continua capaz de, perdoem-me o termo, escoar muita porcaria.

Enquanto a pressa das produtoras em usar os direitos antes que passem para a Disney faz parecer que a Marvel ataca em grande escala, a DC calmamente vai preparando terreno. Dando pequenos passos como "Green Lantern" e deixar o erro do Super-Man ser esquecido com o tempo. Invadindo o mercado doméstico com a Liga da Justiça para que o público-alvo daqui a poucos anos esteja desejoso de ver os seus heróis de infância... Já não é o público dos comics que é preciso apanhar, agora atacam directamente o público de filmes.

Isto tudo porque no início do mês saiu um trailer para o directo para video "Justice League: Doom" e ao pensar no que havia na minha juventude de super-heróis em animação só me lembro do aranha.

Se quiserem ver também os bastidores, alguns membros da equipa de animadores deram uma entrevista.

Nota-se no video que é uma pequena produção comparando com os projectos megalómanos que são feitos para cinema, mas a DC irá colher os frutos disto daqui a três ou quatro anos, não tenham dúvidas.

1 comentário:

ArmPauloFer disse...

Ora bem, abordaste um assunto que é verdadeiramente pertinente. No fundo, colocaste em perspectiva qual o verdadeiro sentido dos filmes animados.
Em parte é como abordaste. Acredito nessa perspectiva sim.
E por outro lado, estão a revitalizar aventuras existentes em BD, tornando-as animadas e criando assim em valores mais vivos e acessíveis a mais públicos, rentabilizando a mesma coisa em novos meios com mais público.

A DC Comics tem sim feito belas animações. Além das dedicadas á Liga da Justiça, tem ainda apresentado algumas origens, onde destaco a da Wonder Woman que é mesmo muito bem concebida (poderia ser em live-act com alguns retoques) e iguakmente a Superman vs Shazam.
Depois temos ainda o estilo complementar aos filmes da DC em liveact tais como o "Green Lantern: Emerald Knights" que funciona como prequela e spin-off dos eventos do filme, e o Batman Gotham Knight, que se situou entre o Begins e o The Dark Knight (lançando pistas e detalhes que não aparecem no TDK).

Tenho gostado de ver os que pude ver... e até me lembraste que tenho de voltar à carga sobre mais alguns.

Bom post, Nuno!