8 de janeiro de 2010

Super-galeria "Bitch Slap"

"Bitch Slap" de Rick Jacobson

Se pudessem fazer um filme apenas por diversão, sem preocupações com bilheteiras, prémios ou público, que género escolheriam? A resposta é diferente de pessoa para pessoa.
E se fosse um filme que gostassem de fazer e as pessoas gostassem de ver? Algo com explosões, pancada e mulheres pouco vestidas agradará à maioria dos espectadores masculinos. Se é para a desgraça, que seja total: Sexploitation volta, estás perdoado.

Rick Jacobson depois de ter trabalho em séries como "Baywatch", "Xena" e "Cleopatra 2525" parece ter atingido o topo na exploração da mulher como objecto. Não é correcto, mas agradeço-lhe.
"Bitch Slap" é uma completa fantochada que corresponde ao que se espera dele.
As imagens aqui apresentadas são do dossier de imprensa, da página no Facebook e da Maxim que também aproveitou esta reunião de beldades para fazer um número. No site oficial podem ainda conseguir wallpapers das protagonistas como o que estou a usar actualmente.

Sem comentários: