14 de julho de 2011

Secret Museum of Mankind


Há segunda tentativa a secção Stereo finalmente surpreendeu. A banda Secret Museum of Mankind é composta por gente do cinema, mas o projecto apresentado no seu todo é bastante original e de cinema tem pouco.

Começou por ser diferente por ter duas estátuas humanas em palco a cobrir parte da tela. Isso fazia prever que não veríamos muito cinema. Quando a banda começa a tocar as estátuas movem-se ligeiramente. A cadência vai aumentar até que à terceira música já dançam ao ritmo brasileiro. Isso porque o segundo elemento deste Stereo era o grupo performativo Mulheres de Pau Preto. Duas mulheres que permaneceram imóveis em palco até ao chamamento da música. Mas não foi só de música brasileira que se fez essa noite. A sonoridade trazida pela banda percorreu ambas as Américas, Europa e África. Interpretaram algumas, representaram outras, e por vezes simplesmente partilharam o momento de escuta de um disco de vinil quase desconhecido. Este museu além de tudo isso viaja pelos séculos trazendo composições que nasceram no século XX misturadas com outras de origem tribal. Quem procura ouvir êxitos recentes não terá nada disso, mas tem uma cover de um clássico de Madonna.

A fusão com a arte da dança ao início pode parecer nula – são literalmente limpas como meras estátuas - mas no final provam que houve ensaios. Seja porque a música termina e o ritmo dos pés ainda mantém os ouvintes presos. Ou porque no encerramento os quatro músicos, as duas intérpretes e uma sétima artista vinda de algum lado encerram tudo com uma gigantesca e coreografada representação da dança exibida na tela.

O que tem de bom este grupo é que não discriminam nenhum estilo. Tanto faz serem o rei das cordas a testar o primeiro som do cinema como um mestre do assobio reformado jovem, que o vosso álbum será tocado e tudo isso num ambiente de intimismo raramente visto. Já as músicas que interpretam ao vivo têm uma doçura que não deixa o original mal visto.
Teatro, Cinema, Dança, Música. Quatro artes num só espectáculo dão sentido ao conceito de Stereo. Dão vida ao serão. Dão uma enorme lista de artistas para descobrir.

Sem comentários: